Dieta Mediterrânica já é Património da Humanidade

A Dieta Mediterrânica é desde Novembro de 2010 Património Imaterial da Humanidade, um reconhecimento que chega através da Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (UNESCO). A atribuição parte de uma candidatura conjunta apresentada pela Espanha, Itália, Grécia e Marrocos.

«A dieta mediterrânica não compreende apenas a alimentação, já que é um elemento cultural que propicia a interacção cultural». Esta foi a justificação do comité da Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (UNESCO) para incluir na lista do Património da Humanidade, o regime alimentar assente em frutas frescas e legumes; azeite como a gordura base alimentar; peixe; oleaginosas e frutos secos; ervas aromáticas; lacticínios de cabra e ovelha.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s